Jejum Intermitente

Muito usado por várias pessoas que pretendem ter uma qualidade muscular, essa prática vem ganhando cada vez mais espaço no meio Fitness. Há muita discussão no mercado sobre a aplicabilidade dessa conduta por ser polêmico. Agora, vamos entender primeiro o que é JEJUM INTERMITENTE. É uma estratégia em que os indivíduos são submetidos a diferentes períodos de jejum prolongado. Diante desse programa o indivíduo deverá tomar líquido adequadamente independente se está no período de se alimentar ou no jejum.

Conheça alguns dos protocolos, mercadológicos, mais usados:

– Protocolo 14/10: 14 hs sem comer para 10 hs de refeições distribuídas.
– Protocolo 16/8: uma janela de 8hs para se alimentar e 16hs em sem comer.
– Protocolo 18/6: comer em um intervalo de 6hs e manter 18hs em jejum.
– Protocolo Eat-Stop-Eat (coma / para / coma): Jejum de 24hs uma ou duas vezes por semana.
– Dieta 5/2 ou a dieta dos 2 dias: ingestão normal de calorias por 5 dias na semanas e outros dois dias o consumo dica entre 500 e 600 calorias.

Segundo a observação de vários estudos o método intermitente apresenta algumas vantagens sobre uma dieta restritiva clássica (consumo regular muito baixo de caloria) como:

– Perda de gordura corporal aumentada e manutenção da massa muscular.
– Redução do colesterol ruim (LDL).
– Melhoria da sensibilidade de insulina. Adequação de níveis de glicose!
– Prevenção de doenças como o câncer.

Para o indivíduo adotar alguma dessas estratégias é necessário um acompanhamento profissional especializado. Uma análise minuciosa sobre qual modalidade esportiva ou atividades de academia é fundamental para praticar o jejum. Determinados indivíduos podem apresentar baixo rendimento esportivo por haver uma recuperação comprometida. Adotar essa estratégia sem critério ou, simplesmente, por que conheceu alguém que teve bons resultados pode trazer prejuízos para a saúde. Contudo, poucos estudos realizados até agora têm explorado a eficácia desta intervenção na regulação do metabolismo. Mais estudos são necessários para confirmar segurança para os indivíduos.

Autor / Fonte:Magno Luiz – Nutricionista Esportivo e Educador Físico.